Diferenciais

A força do ensino está em oferecer recursos e oportunidades que façam o aluno querer aprender e seja capaz de avançar no seu ritmo, de acordo com o seu potencial. Estes são alguns dos diferenciais que o Vital Brazil apresenta para atingir tal objetivo.

Idiomas

O compromisso com o ensino de excelência implica garantir aos alunos nada menos que a proficiência em um segundo e um terceiro idiomas. No Vital Brazil, esse compromisso é comprovado pelos índices de aprovação dos alunos nos principais exames de certificação internacional das línguas inglesa e espanhola (FCE, CAE, CPE e DELE).

O Inglês do Vital Brazil conta com departamento próprio, que coordena o ensino do idioma como um projeto paralelo e complementar ao das demais disciplinas.

Com carga horária semanal bastante superior à exigida por lei, a abordagem é imersiva: as professoras falam prioritariamente em inglês com os alunos desde a Educação Infantil. Além disso, a partir

do 6o ano do Ensino Fundamental, o curso passa a ser semestral, e as turmas são formadas por alunos com o mesmo nível de conhecimento do idioma (15 níveis), independentemente de sua série escolar, o que lhes permite avançar em ritmo que faça jus ao pleno potencial de todos. As aulas se dão em salas de no máximo 15 alunos, equipadas com recursos multimídia.

Já o ensino de Espanhol acontece em salas de aula regulares, como parte da matriz curricular do 6o ao 9o ano do Ensino Fundamental, com a mesma abordagem imersiva e recursos multimídia disponíveis.

Essa estrutura garante aos alunos concluir a Educação Básica com proficiência comprovada nas quatro habilidades comunicativas básicas dos dois idiomas: leitura, escrita, fala e compreensão auditiva.

Ensino Médio em Período Integral

No Ensino Médio, o alinhamento entre os dois principais objetivos do Vital Brazil – promover a paixão pelo conhecimento e proporcionar resultados nos vestibulares mais concorridos – se torna ainda mais evidente.

Por isso, a 1a e a 2a séries do Ensino Médio passam a ter três dias por semana de período integral. Na 3a série, essa carga horária se estende aos cinco dias úteis da semana. Ao completar os três anos, o aluno terá recebido mais do que o dobro das aulas exigidas por lei. Isso sem contar diversas oportunidades que o colégio oferece para que o aluno complemente sua formação básica, de acordo com seus interesses, como aulas e oficinas extracurriculares ou o curso intensivo de férias, na 3a série.

Programa
Especial de Estudos

O programa oferece a alunos do Ensino Fundamental, a cada trimestre, a oportunidade de retomar, em horário extracurricular, conteúdos de Português e Matemática que não tenham sido bem assimilados. Os alunos são convidados pelos professores a participar do programa, sempre que identificados sinais de dificuldade.

Oficinas
de Redação

Seguindo a proposta de dar ao aluno os meios de desenvolver seu potencial ao máximo, o Vital Brazil oferece oficinas de Redação a alunos do 6o ao 9o ano que se destacarem nas aulas de Produção de Texto e demonstrarem aptidão para a escrita. Em horário extracurricular, as oficinas são uma oportunidade de aprofundar conhecimentos sobre os temas e gêneros textuais trabalhados, desenvolver leituras críticas, ampliar vocabulário e exercitar a argumentação lógica.

Olimpíadas Acadêmicas

O Vital Brazil incentiva a participação dos alunos em olimpíadas acadêmicas nacionais e internacionais por meio de módulos preparatórios, oferecidos em horário extracurricular aos que se destacarem nas aulas regulares e desejarem avançar em ritmo mais acelerado.

Embora oferecidos com mais peso a alunos do 6o ao 9o ano do Ensino Fundamental, para olimpíadas de Matemática, Física e Química, os módulos também podem atender alunos de outras séries e ser organizados em torno de outras disciplinas, a depender de demandas eventuais. Além de promoverem a autonomia nos estudos, o raciocínio lógico e a capacidade de resolver problemas, tais olimpíadas propiciam uma aproximação do aluno com o ambiente acadêmico e o mercado de trabalho, tendo em vista que várias universidades e empresas, dentro e fora do Brasil, consideram as medalhas desses torneios como critério seletivo.